4 de ago de 2010

“... a gente faz o que o coração dita, mas esse mundo é feito de maldade e ilusão."

(Saudade da Bahia, Dorival Caymmi)
.
.
Quando nos despedimos era a hora certa. Você esperou meu choro, meu desespero, minha súplica e minha ligação, esperou por coisas que não vieram. Você estava pronto para me consolar, para dizer que eu tinha que ir em frente e deixá-lo, mas não esperava que eu já conhecesse o caminho, que já tivesse partido bem antes do adeus.
Preciso te contar o quanto estou incrívelmente feliz, o quanto o meu amor próprio superou as madrugadas longas, o quanto que me descobrir fez te esconder na memória, o quanto me permitir me fez mais interessante, o quanto fantástica posso ser e as pessoas que posso ter ao redor, que posso escolher e não ser a escolha. Eu escolho você. Te escolho para ser quem irá ficar me esperando do outro lada da linha, da ponte, da avenida. Te escolho e te coloco do lado oposto da minha opção pela alegria.
Te escolho não por maldade, por vingança ou por caridade, mas porque você me ensinou muitas coisas, e coisas boas, coisas que nem um inimigo me ensinaria. Por causa de você conheci meus limites e os desaprendi, e hoje não me permito a nada que seja menos do que a felicidade ou mais do que a sensatez. Você me ajudou a me tornar uma mulher mais forte e menos tempestuosa. Me ensinou a não ser cruel, quando me magoou. Me ensinou a como não permitir o descaso, quando te contava um sonho. Me ensinou como não enganar, quando optou por outros planos. Me ensinou a descobrir o quanto posso ser amada, quando teu cuidado era de outra face.
Hoje meu corpo tem outras mãos espalhadas, hoje meu caminhar é um convite, hoje meu olhar é uma armadilha, hoje minha lembrança é uma tortura, hoje minha companhia é para poucos, hoje meu cheiro é um abismo, hoje meus dedos são violinos, hoje meu riso é a felicidade, hoje meu plano aceita ser surpreendido. Hoje apenas me permito a certeza do que a incerteza me impõe.
.
.
.
Cáh Morandi

8 comentários:

Hannah disse...

Que lindo Cah, como todos os teus textos. Sou fã!

Beijos :*

Michele disse...

Lindo! Como sempre.

Beijos amada

Lory Nogueira disse...

Sou fã tbm, vc escreve muuuito beeem!

Lord Acton disse...

Olá, por acaso encontrei esse escrito seu, e de tão lindo, resolvi pesquisar. Identifiquei-me bastante com essa reflexão, e por conta disso, tocou-me profundamente a expressão do seu sentimento, e o alívio de poder materializá-lo em linhas tão objetivas.
Sucesso. Sempre que puder estarei a visitá-la.

Anônimo disse...

que texto Lindoo! me identifiquei tanto .. queria ser um tantinho assim, como vc expressou nessas palavras .. é tão difícil!
parabéns pelo texto! Beijooos =*

Anônimo disse...

Υes! Finallу sоmething about grаԁuados.


Alsо vіѕit my web page - http://aydinayhan.nl

Anônimo disse...

I visited sеverаl websites except the audiο qualitу fοr audiο songs
preѕent at this site is gеnuіnely excellеnt.


Also νіѕit my web site V2 Cigs Review

Anônimo disse...

Itѕ like you rеad my mind! You appeаг to know so muсh about this, lіke you ωrοte the book in it or
somethіng. I think that you саn
dо with some picѕ to ԁrіve the meѕѕage home a bit, but
other than thаt, thіѕ іs fantastіc blog.
Αn exсellent reaԁ. I'll certainly be back.

Stop by my blog post Www.Prweb.com